terça-feira, 19 de abril de 2011

Linha de produtos com pele é recolhida das lojas da Arezzo

Parte da coleção de inverno da Arezzo 2011, a linha “Pelemania” foi lançada na quinta-feira (14.04) e é feita de peças como coletes, sapatos e pashminas de pele de coelho e raposa. O que seria apenas uma linha com o material que é hit da temporada acabou se tornando objeto de protesto contra o uso de pele animal na moda.

Tudo começou quando o perfil do Projeto SalvaCão postou no Twitter fotos da coleção junto de animais mortos. O ato foi seguido de uma avalanche de adesões, que encontrou eco no Facebook, onde a página Boicote Arezzo foi rapidamente criada. Resultado: “Pelemania” entrou na lista de trending topics do Twitter (ranking de assuntos mais comentados) nesta segunda-feira (18).

Diante da repercussão negativa, a Arezzo elegantemente retirou as imagens dos produtos de seu site e prontamente impediu que as peças com pele natural fossem vendidas nas lojas de sua rede.

Por Vogue

Beijos

Um comentário:

Galera da Esbórnia disse...

Fiquei sabendo de toda essa repercussão contra o protesto sobre a coleção da Arezzo. As peças realmente estavam lindíssimas, mas em certo ponto sou contra o uso de peles de animais, embora sejam belíssimas.
O protesto só demonstra como as pessoas estão, sim, preocupadas com a questão de proteção aos animais e ao meio ambiente. Mesmo sendo uma tendência mundial das passarelas, as manifestações mostram que estar na moda pode não ser tão legal.